quarta-feira, 23 de dezembro de 2020


Dezembro de 2020 - os últimos dias

História original lljj.

Disclaimer: Dezembro de 2020 é uma obra fictícia que envolve acontecimentos e personagens fictícios. Autoria e propriedade reservada a autora, estando proibida a reprodução parcial ou integral sem prévio consentimento, lembrando que isso se caracterizaria como uma violação à Lei de Direitos Autorais (Lei Nº 9.610, de 19 de fevereiro de 1998) e infração ao Artigo 184 do Código Penal Brasileiro.

Aviso: Linguagem imprópria

INDICE

Notas iniciais
1 - Quarta-feira, 23 de dezembro de 2020
2 - Quinta-feira, 24 de dezembro de 2020
3 - Sexta-feira, 25 de dezembro de 202O
4 - Sábado, 26 de dezembro de 2020
5 - Domingo, 27 de dezembro de 2020
6 - Segunda-feira, 28 de dezembro de 2020
7 - Terça-feira, 29 de dezembro de 2020
8 - Quarta-feira, 30 de dezembro de 2020
9 - Quinta-feira, 31 de dezembro de 2020


Continue Lendo...
Compartilhe
Comentários
0

domingo, 20 de dezembro de 2020


10 histórias do Desafio Drabble 2020 que você precisa conhecer

E aos quarenta e cinco do segundo tempo aqui estou eu para falar do Desafio Drabble 2020. Esse ano foi complicado, meu número de leituras no desafio foi drasticamente reduzido em relação ao ano passado. Ainda assim, não posso deixar passar em branco. As histórias que pude ler eram divertidas, interessantes e envolventes, merecem ser lembradas e guardadas com carinho. Então aqui vai outra listinha com 10 indicações de leitura.
Para quem está por fora: o Desafio Drabble é um desafio literário anual organizado no grupo Nyah! Fanfiction do Facebook. Ao longo do mês de outubro, os autores recebem palavras-chaves diariamente para incluir em um capítulo de 100 palavras (um drabble).

Ano passado participei pela primeira vez do desafio, tanto como escritora quanto como leitora. Sem grande surpresa, 2020 limitou minha experiência, então acompanhei o desenrolar do desafio apenas como leitora.

O tema proposto para este ano foi “Desventuras em Série: Histórias Desprovidas de Sorte”. Só para dar aquela aclimatada digna de 2020, né? Claro, os autores tinham liberdade para explorar outras temáticas, por isso, temos nessa lista drabbles bem variadas.

Vou seguir o mesmo padrão da postagem do ano anterior, listando as histórias das mais leves paras as mais pesadas. Atenção às classificações indicativas e avisos de gatilhos. No mais, aproveitem!


Duality – Kika Honeycutt (Livre)
Primeira história, classificação livre e superpowers!

Duality é uma história original que narra a trajetória de Jade e Lazuli, dois jovens rapazes cujas vidas foram influenciadas, positiva e negativamente, por possuírem poderes especias.

O ponto alto de Duality é, sem dúvida, o seu universo. A autora tem uma série de histórias passadas neste mundo, então dá para sentir a consistência das informações na qual ela se baseia. Conhecer as personagens, seus poderes e origens foi uma experiência sensacional.

A história é interessante e tranquila, perfeita para aquela leitura gostosa de fim de tarde.

Encontre a história aqui


Entre gloxínias e amores-perfeitos – clini abidemi (+13)

A classificação subiu, mas ainda estamos na zona das drabbles leves. Entre gloxínias e amores-perfeitos é um romance original que transborda fofura a cada capítulo.

Prímula, a protagonista, é uma jovem que viveu uma sequência de desventuras no passado recente. Quando uma garota desconhecida aparece na floricultura de sua família e derruba o vaso da espada-de-são-jorge, um símbolo de boa sorte, Prímula pode apostar que a fase de azar só começou. Ou não?

A garota desconhecida, Júlia, começa a frequentar a floricultura. O relacionamento das duas se desenvolve a partir daí, com cenas divertidas e fofas, e muitas, muitas flores.

Particularmente, adoro histórias que envolvam flores e seus significados. Entre gloxínias e amores-perfeitos conseguiu trazer o assunto de um jeito maravilhoso. Apenas leiam, vale muito à pena.

Encontre a história aqui


2020 - O ano do Capeta – Kaline Bogard (+13)
Essa drabble simplesmente elevou o tema do desafio ao último nível. E, gente, foi uma das melhores que eu li.

2020 - O ano do Capeta é uma fanfic de Naruto, e traz Kiba e Shino como personagens principais. O enredo anda na linha entre o divertido e o trágico ao levar a atual pandemia para o universo ninja. Acompanhamos os altos e os – muito – baixos de Kiba ao vivenciar o desemprego, a quarentena e as tensões de um ano em que tudo o que podia dar errado, deu.


Apesar do caos, Kiba e Shino são um casal estilo “opostos que se atraem” e o relacionamento deles oferece dúzias de momentos cômicos e fofos, que equilibram a desgraceira ferrada que ocorre mundo afora.

Essa foi a única drabble que realmente pude acompanhar ao longo de outubro. A expectativa para a atualização dos capítulos era uma dose de animação diária. Obrigada, autora!

*A história trabalha conceitos de omegaverso, famigerado ABO para os íntimos. Kiba é um ômega, Shino é um alfa. A dinâmica tem algumas nuances sexistas que podem incomodar bastante os desavisados, então... estejam avisados!

Encontre a história aqui


Disque GATO para matar – Mateus Rosa (+13)
Uma história original cheia de intriga, espionagem, jogos de poder, revolução, ratos e gatos.

Sim, ratos e gatos.

Antenor, um gato boa-pinta, e Agulha, uma ratinha revolucionária, estão as voltas com as disputas territoriais entre suas respectivas espécies. O enredo se ramifica em várias tramas, desde a revolução dos ratos aos planos de Antenor de assassinar o próprio dono. Os conflitos imperam e a tensão marca presença ao longo de todos os capítulos.

Uma história fantástica.

A escrita do autor é maravilhosa, trabalhou muito bem o limite das 100 palavras para criar um enredo fluído e dinâmico. Ele também distribuiu gifs de gatinho pelos capítulos e meu coração é mole demais para essas coisas.


Encontre a história aqui


Perfeição – Kurai (+13)
Aviso aos passageiros, estamos descendo mais um grau no quesito temas pesados!

Em Perfeição temos Sebastião, uma pessoa que é a definição materializada da palavra perturbado. O cara não gosta da própria vida, da própria aparência, nem da própria personalidade. O único jeito que ele encontra para se sentir bem consigo mesmo é assumir a identidade de outra pessoa. Literalmente.

As coisas ganham um tom mais sombrio quando ele encontra Ekaterina, uma jovem detetive que está a caça de um serial killer. Sebastião logo enxerga nela seus ideais de perfeição e inicia um processo insano de transformação, no qual a busca por se tornar a Ekaterina o faz cometer atos condenáveis.

Perfeição é um mergulho na mente de uma pessoa alucinada. A qualidade da escrita e do desenvolvimento da história tornam a experiência de leitura um prazer, apesar de abordar situações bem...


Kurai marcou presença na lista de drabbles de 2019 e está aqui novamente porque manda bem demais. Te espero ano que vem!

Encontre a história aqui


As Cigarras – Youth (+16)
Mudando a classificação, temos uma história original recheada de mistério e suspense.

As Cigarras narra o retorno da protagonista Bianca para Damasceno, uma cidadezinha do interior de Minas Gerais. As condições da partida de Bianca não foram as melhores e seu retorno é marcado por tensão e conflito com seus familiares e conterrâneos. Ainda existe uma estranha contatação: as cigarras, símbolos da cidade, desapareceram.

Esse é um enredo para ler roendo as unhas. Ao fim de cada capítulo meus pensamentos se resumiam em questionar o que diabos estava acontecendo naquela cidade. A conclusão atendeu minhas expectativas.

As Cigarras também é outro exemplo de drabble que se saiu muito bem com o limite de palavras. A escrita chega a reluzir de tão bonita, nada sobrando ou faltando. Perfeita.

Encontre a história aqui


Vk33 – Yaoi (+16)
Vk33 apresentou uma forma muito interessante de contar uma história.

Imagine que parte dos capítulos está estruturado como conversas em um chat de namoro. Cara, tipo, é tão simples, mas nunca vi isso ser trabalhado com tanto destaque no enredo – e de um jeito que ficou realmente legal. Em um desafio onde a quantidade de palavras pesa no desenvolvimento da história a aposta foi ousada. E eu amei! Cadê as palmas?


Vk33 inicia em um clima de mistério, com a conversa via chat entre um homem e uma mulher. Logo de primeira dá para sentir a sombra de alguma coisa bastante errada na interação desse possível casal. O avançar do enredo mergulha gradualmente no que se torna um relacionamento abusivo. E, depois disso, o negócio descarrilha de vez.

Avisos para violência, estupro e tortura estão na ficha técnica. Eu até diria que estamos lidando com uma classificação +18, então atenção. Fora isso, fica aqui a sinopse, que é cirurgicamente certeira:

"O melhor meio de procurar pessoas"
— Você recebeu um pedido de amizade -
@_ViKtor33
|Aceitar| |Rejeitar|

Encontre a história aqui


O Tambor – Akai Ito (+18)
Ok, chegamos oficialmente à classificação +18, tire as crianças da sala!

O Tambor é uma história original muito interessante. Temos dois núcleos narrativos sendo desenvolvidos ao mesmo tempo. Em um, há um grupo de prisioneiras que são constantemente intimidadas pelo ribombar de um tambor; no outro, temos Emanuelle, ou melhor, Manu, uma doce adolescente na fase das autodescobertas. Onde esses dois caminhos se cruzam? Ah, só lendo para saber.

A história envolve mistério e suspense – e só agora me dei conta de que esses foram os gêneros que mais li no desafio. Também é forte candidata ao meu troféu pessoal de Melhor Escrita em Drabbles. Sério, me faltam palavras para explicar como amei cada informação, caracterização e descrição contidas nas curtas linhas dessa drabble. Um show de habilidade. Mais palmas, por favor.


Encontre a história aqui


Do Paraíso ao Inferno – Lux Noctis (+18)
O que dizer de Lux Noctis? No ano passado ela escreveu duas drabbles que se tornaram minhas preferidas do desafio, sem chances dela ficar de fora esse ano. A mulher tem um padrão de qualidade alto demais, misericórdia. Manda mais palmas!


Do Paraíso ao Inferno está classificada como +18, porém sinto que é mais uma questão da temática religiosa abordada que a presença de cenas explícitas ou pesadas. Em todo caso, se a proposta te incomodar, apenas pule.

Nesta drabble acompanhamos a trajetória do anjo Samael, o preferido do Senhor, estrela mais brilhante, respeitado e amado líder angelical, até sua consequente queda, quando se transforma em Lúcifer, o traidor renegado.

O enredo me fez rir, chorar, teorizar, sofrer, shipar, chorar mais um pouco... enfim, perfeito.

Encontre a história aqui


Sua memória, minha ruína – Yurievna (+18)
Décima e última história dessa adorável listinha, e de uma autora que esteve aqui ano passado também com uma fanfic de Boku no Hero. Só coisa boa essa mulher escreve.

Já aviso que Sua memória, minha ruína é uma leitura de rasgar o coração. Doeu do início ao fim. Leitores do meu tipo, que gostam mesmo é do sofrimento, estão em casa, é só deixar o chinelo ali na porta.

Ayzawa é nosso protagonista da vez. Para devolver a vida do seu melhor amigo e primeiro amor, Shirakumo, ele está disposto a tudo, inclusive fazer um pacto com o próprio diabo. O contrato é selado, Shirakumo está vivo e Ayzawa tem 24 meses antes de pagar sua parte no acordo. A partir disso, gente, é só desgraçada. Desventuras era o que o desafio queria? Desventuras é o que temos.

Encontre a história aqui


Bom, é isso. Meus parabéns aos dez autores dessa lista e a todos os outros que participaram do desafio este ano. Eu realmente queria ter lido e comentado mais. Não deu. Ainda assim, todos aqueles que conseguiram vencer o Desafio Drabble de 2020 tem meu completo respeito. Vocês são incríveis e merecem uma salva de palmas!


Espero reencontrá-los no próximo ano, então se cuidem e até!

Continue Lendo...
Compartilhe
Comentários
2

sábado, 31 de outubro de 2020


Geek Camp: tudo o que você precisa saber sobre a websérie dos rappers geek

Estou emocionada. Simplesmente emocionada. Geek Camp tem apenas dois episódios postados, mas já é a melhor surpresa de 2020. Gente, todos os meus ícones do rap de anime estão lá! Como não amar? O mundo precisa saber que isso está acontecendo!
Na quarta-feira, 21/10, estreou a primeira temporada do Geek Camp. O projeto reuniu 10 dos maiores artistas do rap geek da atualidade em uma mansão no Rio de Janeiro. Durante dez dias essa galera produziu conteúdos inéditos, incluindo músicas e videoclipes novíssimos.
Geek House
Quem está participando? Nada mais, nada menos que Mhrap, Tauz, VMZ, Felícia Rock, VG Beats, Sidney Scaccio, TK RAPS, Takeru, Marck e Jag. Ouvi um amém, irmãos?
Da esquerda para direita: Jag, Tauz, VMZ, VG Beats, TK RAPS, MHRAP, Sidney Scaccio, Mark, Takeru e Felícia Rock
O primeiro episódio já valeu toda a temporada. O rap geek é um estilo musical que se firmou no mundo virtual, por conta disso, vários dos artistas não se conheciam pessoalmente mesmo tendo uma longa história de parceria. O encontro do Sidney com o Tauz rendeu lágrimas de emoção. Também é uma emoção para quem está assistindo conhecer mais sobre eles. Tipo, a Felícia é de Recife. O VMZ se chama Sandro. O MHRAP usa um manto da Akatsuki o tempo todo!
Jag, MHRAP e o manto
A iniciativa por trás do projeto partiu da Geek Musik, a primeira gravadora voltada para a música geek do Brasil. Teremos lançamentos exclusivos da gravadora ao longo da temporada.

No segundo episódio deu para acompanhar o processo de gravação de uma das músicas. E, meu povo, só o beat já está uma coisa de outro mundo. Ainda teve a participação especial de um pequeno fã dos raps de anime. Quem recebeu ele foi o MHRap e o manto.
O Geek Camp será exibido em um total de 24 episódios, postados às quartas-feiras. Os dois primeiros tiveram entre 5 e 10 minutos de duração. A qualidade da produção está uma coisa linda de assistir. Bate até um orgulho ver os artistas que acompanho há tanto tempo participarem de algo nesse nível. Deus sabe o quanto eles merecem o reconhecimento.
A websérie está disponível no canal oficial da Geek Musik (link aqui). Lá também tem entrevistas exclusivas com os artistas no quadro Papo Geek. O TK RAPS e o Tauz já participaram e vale muito a pena conferir.

Estou no aguardo dos lançamentos. Quero raps novos para atualizar a minha playlist. Até lá!



Interessado em Raps de Anime? Confira outras postagens!
10 Raps de Anime para você conhecer o gênero – parte I
10 Raps de Anime para você conhecer o gênero – parte II
+8 Raps de Anime para ouvir e amar
Continue Lendo...
Compartilhe
Comentários
0

sexta-feira, 11 de setembro de 2020


Mini-Desafio Drabble de Setembro e outras notícias

Outra vez o blog foi largado às traças... Não posso deixar de pensar na postagem que fiz no primeiro dia deste ano, quando prometi a mim mesma que construiria um ritmo de atualizações semanais. Ficou só na promessa mesmo. Porém, mesmo o blog estando parado, minha vida segue um fluxo interessante de acontecimentos. Nesses últimos meses do ano, começam a pipocar os desafios de escrita. Deus sabe que sou movida a desafios, então iniciei setembro participando de um.

O Mini-Desafio Drabble deste mês foi um esquenta para o desafio principal que acontecerá em outubro. Durou sete dias, nos quais recebíamos uma palavra-chave para encaixar em um drabble (capítulo de 100 palavras). Criar uma história com início, meio e fim com um limite tão apertado de palavras e tempo traz a carga de adrenalina necessária para me motivar a escrever.

Assim nasceu Vou Chorar Por isso Mais Tarde. Uma história original baseada nos personagens e cenários do clipe Cry About It Later, da Katy Perry. Esse aqui:


Eu conheci essa música através do grupo Nyah! Fanfiction do Facebook, o mesmo lugar onde acontecem os desafios de drabble. Assim que bati o olho na divulgação do mini-desafio, as cenas do clipe se organizaram como um plot na minha cabeça. Era simples, bonitinho e, bem, fácil de reproduzir.

Do dia 1 ao dia 7 de setembro postei um capítulo diário, narrando as desventuras da bruxa Velutina – que, aliás, foi batizada com a primeira palavra-chave do desafio. Velutina passeia pelo seu mundo encantado enquanto tenta afastar as dores do seu coração partido. Segue o link para os interessados:


O mundo de Velutina desabou. A desolação era amarga, assim como as lágrimas que insistiam em inundar seus olhos. Porém, ela não queria chorar. Não, não! Esta noite, queria se divertir.
Para ler, clique aqui.

Adoro ler e imaginar universos mágicos, mas essa foi minha primeira vez escrevendo sobre um. Tendo o clipe como referência, tudo fluiu com naturalidade, o que tornou a experiência maravilhosa. Eu gostaria de voltar a esse universo, explorar outras possibilidades narrativas, mas... é aquilo, né, cadê a motivação?

O Desafio Drabble de Outubro possui mais espaço para se trabalhar já que dura os trinta e um dias do mês. Participei no ano passado com Não Estou Pronta e foi uma estreia perfeita. Esse ano, porém, ainda não tenho certeza se entrarei. A falta de uma ideia para desenvolver é uma das razões, mas a principal é que estou “escrevendo” uma obra para o Prêmio Machado, da Darkside.
Não estou sendo apenas pessimista ao dizer que as chances de vencer são minímas – inexistentes, para ser mais precisa. O negócio é que eu tinha uma ideia de plot arquivada a um longo tempo, uma boa demais para simplesmente ignorar. Ela encaixou como uma luva no clima sombrio e brutal que o prêmio inspira. Transformar essa ideia avulsa em uma história digna para o concurso era um desafio tentador. Então lá foi eu.

Passei agosto inteiro trabalhando num manuscrito. Estruturei o esqueleto da história, caracterizei personagens e cenários, reuni material para referência e, agora, tenho várias peças daquilo que pode se tornar um livro sensacional.

Usei o mini-desafio para limpar a mente antes de voltar a trabalhar nessa história. Inscreverei ela na categoria Desenvolvimento de Projeto do prêmio. Já tenho até um título: Dezembro de 2020. A vitória não será minha, e ok. Ter um livro concluído depois de tanto esforço e tempo gasto é tudo que almejo, assim quebraria a sina de escritora que não termina seus romances.

E é isso. Em novembro temos o NaNoWriMo e, neste caso, penso em participar para dar um boom na produção dessa história. Encaixar as peças uma na outra, pingar um óleo e conferir se o resultado bate com a imagem que tenho em mente. Prometo trazer mais notícias no futuro!
Continue Lendo...
Compartilhe
Comentários
0
 
lljj. - COPYRIGHT © 2018 - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.
LAYOUT E PROGRAMAÇÃO HR Criações